Entrar Associar-se
Ínicio Calendario E-Mail Notícias Atendimento Convenções

Confiança dos Empresários gaúchos inicia o ano com queda

Confiança dos Empresários gaúchos inicia o ano com queda

Sindilojas 25.jan.2021

O resultado reflete uma reavaliação da conjuntura ante as incertezas para 2021

Ao registrar 102,9 pontos, o Índice de Confiança do Empresário do Comércio (ICEC-RS) teve uma queda de 4,5% na virada do ano. Desde setembro, o índice apresentava altas mensais que desaceleravam mês a mês e o resultado de janeiro culminou na interrupção dessas altas. Se comparado a janeiro do ano passado, a queda foi de -14,1%, variação explicada pelos impactos da pandemia sobre a economia. Os números foram divulgados pela Fecomércio-RS nesta segunda-feira, dia 25.

O componente do Índice que avalia a percepção dos empresários acerca das condições atuais teve baixa de 2,9% ao atingir os 76,7 pontos. Dos três componentes que compõem o ICEC, este foi o mais afetado pela pandemia. Diante de um cenário em que as famílias estão muito cautelosas, a avaliação dos empresários sobre o momento atual voltou a cair na entrada do primeiro mês do ano, podendo refletir um desempenho menor que o esperado com as vendas de Natal diante de um cenário de aceleração da pandemia e redução do efeito do auxílio emergencial com parcelas menores e encerramento do programa.

O índice que avalia as expectativas teve baixa de 6,0% e registrou 136,6 pontos. Desmembrando a análise das expectativas, a pesquisa mostra que os empresários reajustaram suas expectativas sobre a economia, o setor e o próprio negócio, denotando a percepção de um cenário mais desafiador neste início de ano diante da incerteza que permeia a economia e os rumos no mercado de trabalho diante da pandemia.

Por fim, o componente do ICEC que avalia as condições de investimento também teve retração na margem (-3,6%). Assim, essa avaliação registrou 95,3 pontos e teve o movimento de queda verificado em seus componentes de contratação de funcionários e nível de investimento. No entanto, vale notar que o índice de contratação de funcionários permanece acima dos 100,0 pontos (110,7 pontos), denotando que no começo do ano predomina a avaliação da expectativa de aumentar a força de trabalho – algo condicionado à continuidade da recuperação das vendas do setor; 60,7% dos entrevistados referiram projetar aumento das contratações.

“Começamos 2021 com incertezas e desafios em muitas frentes. O controle da pandemia é fundamental para que a recuperação possa seguir seu curso. Para tanto, além dos esforços que todos temos empregado de forma incessante hoje, a perspectiva de um processo efetivo de imunização ao longo de 2021 é fundamental para dar suporte à confiança dos agentes para que a retomada possa continuar seu rumo”, avalia o presidente da Fecomércio-RS, Luiz Carlos Bohn.

Acesse aqui a análise do ICEC-RS.

×

Você quer sair?

Lembre-se que para entrar novamente, precisará das informações de E-mail e Senha.

Sim Não

#Conecte-se

R. Gen. Neto, 19 - Centro, Bagé - RS, 96400-380 | Telefone: (053) 3242 5063

Desenvolvido por:
Patrique Uiliam

×

Patrique Uiliam

patrique.com.br

Telefone/WhatsApp:53 999 00 52 51

E-mail para patriqueuiliam@gmail.com

×

Explorar

Se não encontrou, prencha este formulário.

Inicie um atendimento